Pular para o conteúdo principal

QUEM APOIA CAMARÃO DENTRO DO PT?

Quando o deputado Henrique Lula lançou Felipe Camarão ao governo seu discurso parecia uma impertinência a ser desautorizada pelo próprio secretário.

O governo do estado já tinha pré-candidatos demais na sua base de apoio e outro nome estava sendo inventado, mas Henrique não tem nada de impertinente. Ele foi o porta-voz de uma articulação mais ampla.

Camarão confirmou a pretensão e partiu para o interior com uma caravana de petistas. Estavam lá o vice-líder do governo na Assembleia, o secretário de Direitos Humanos, a adjunta da Secretaria de Governo... seria este o momento em que finalmente o PT do Maranhão estaria unido num mesmo projeto?

O blog procurou uma série de lideranças petistas e descobriu que não é bem assim. O ex-secretário de Esportes Márcio Jardim vê no movimento um enfraquecimento do vice-governador Carlos Brandão no partido. “O presidente do PT da capital está com Weverton, na segunda cidade do estado o único vereador está com Weverton, muita gente no interior também com Weverton, isso só esvaziou o apoio a Brandão”, analisa.

Duas lideranças, que pediram para não terem suas identidades reveladas, acreditam que Camarão terminará noutra posição. “Ninguém começa se lançando candidato a vice-governador. Tem que disputar a cabeça para emplacar na vice”, afirmou um deles.

No mesmo sentido, outro dirigente lamentou que outras lideranças não tenham sido valorizadas. “Eu acho engraçado que o Palácio quer o PT na chapa, mas não quer um petista. Nunca cogitaram Zé Inácio ou Zé Carlos. Colocaram um nome de fora para segurar a legenda”, se lamenta. Ex-membro do Democratas (DEM), Camarão cogitou filiação no PSDB, no PSB e no PCdoB antes de ir para PT.

Procurado pelo blog, o deputado federal Zé Carlos disse que aguarda o posicionamento da Direção Nacional do PT.


FLÁVIO DINO

O lançamento de Camarão certamente não contrariou o governador. Tanto que Henrique virou secretário de Agricultura. Nos últimos dias, porém, os discursos de Flávio Dino têm enaltecido cada vez mais o nome do seu vice-governador.

Os bastidores políticos da Ilha dão como certa a chapa Brandão-Camarão com o apoio dos Leões.

 

DIREÇÃO NACIONAL

No caso do PT, onde se lê “Direção Nacional” leia-se “Lula”. A formação dos palanques estaduais passará diretamente pelo ex-presidente, que já demonstrou simpatia pelo nome de Weverton e vê no apoio ao senador um caminho para cristianizar Ciro Gomes dentro do PDT.

Se fosse um petista histórico, Felipe Camarão ainda correria o risco de ser rifado pela estratégia nacional. Imaginem sendo um “neo-filiado”.

 


ACORDO

O Pacto pela União, assinado no Palácio, firmou o compromisso de todos apoiarem Flávio Dino ao Senado e “buscarem um entendimento” para o governo do estado.

Não sendo possível esse entendimento, Weverton manterá o voto em Dino? Isto é assunto para outro texto.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

PACIENTES E PROFISSIONAIS DA SAÚDE RELATAM COLAPSO NA UPA DE CHAPADINHA

Os últimos dias têm sido de exaustão para quem está trabalhando na linha de frente do combate à Covid em Chapadinha. Profissionais da UPA relatam que a unidade entrou em colapso, os leitos estão lotados, pacientes aguardando nos corredores e os funcionários se sentindo impotentes diante o quadro. “Imagina o que é você se doar, prestar um serviço, ver gente morrendo todo dia e as pessoas continuarem suas vidas aglomerando”, desabafou um deles em rede social. Com quadro reduzido de funcionários, os servidores buscam fazer o que é possível, mas as dificuldades estão aumentando num grau insuportável. Enquanto isso pipocam nas redes sociais fotos e vídeos de pacientes e acompanhantes denunciando os problemas que estão enfrentando, principalmente com falta de médicos para atender a demanda crescente. A escala publicada pela Prefeitura mostra o quanto tem sido exigido dos profissionais. Apenas um médico por dia, sendo ora Dr. Kingsley Ifly, que na mesma data atende no HAPA , ora o Dr. Felipe

DE CORPO PRESENTE: FLÁVIO DINO REBATE BELEZINHA SOBRE INVESTIMENTO EM SAÚDE E AINDA QUER ASSUMIR A UPA

Durante cerimônia de inauguração de asfalto aplicado no município com emendas da deputada Dra. Thaiza, o governador Flávio Dino respondeu os ataques que a prefeita Belezinha fez contra ele no início da semana. A gestora havia afirmado em pronunciamento oficial que ainda não teve ajuda do governo do estado para cuidar da Saúde em Chapadinha nos seus primeiros meses de administração. Relembre: No seu discurso, a deputada Thaiza já havia criticado a gestão municipal por Chapadinha ter tido o maior número de óbitos por Covid no estado, mas Belezinha tentou evitar polêmica. Tigrona na internet, ela virou tchuchuca na frente do governador falando até em parcerias do estado com o município através do vice-governador Carlos Brandão. Veja: Flávio Dino estranhou a diferença de comportamento do mundo virtual para o mundo real. “Há pessoas que se transformam na internet. Elas na nossa frente são pessoas de bom senso, mas quando chegam na internet se transformam e se danam a mentir”: Mais a

Secretariado sem Paulo Neto, Levi ou Josimar

Parece que Belezinha aprendeu com erros do passado e compôs uma equipe de secretários com pessoas da sua confiança nos postos mais importantes. Está de volta sua irmã Deusilene Pontes na Secretaria de Finanças e seu braço direito Aluísio Santos na Articulação Política. Desta vez ele não assumirá Obras para ficar mais livre na tarefa de viabilizar o próprio nome como pré-candidato a deputado estadual. Enquanto isso, nenhum nome anunciado como indicação do deputado Paulo Neto. Derrotado em Mata Roma e nos outros municípios da região, Paulo não terá vida fácil para conseguir espaço na única prefeitura onde ajudou a eleger uma aliada. Outro limado na composição do governo foi o vice-prefeito, ausente na cerimônia de nomeação dos secretários. Depois de tentar articular o nome da própria esposa para a presidência da Câmara e vê-la ficar fora da mesa diretora, Dr Levi não indicou uma pessoa para o primeiro escalão do governo. O único nome do PCdoB na equipe é a ex-vereadora Francisca Ag