Pular para o conteúdo principal

FAP presta homenagem à professora Cleide Portela

A Faculdade do Baixo Parnaíba (FAP) publicou em suas redes sociais mensagem em homenagem à professora Cleide Portela, falecida na manhã de hoje. "Sua fala e sorriso transmitiam candura e simplicidade, mas ao mesmo tempo firmeza na defesa de seus pensamentos e sentimentos sobre a igualdade de direitos, a liberdade e a vida plena", diz a nota assinada pela diretora de Ensino, professora Nony Braga.

A professora Cleide Portela era filha do ex-prefeito Zezico Silva, irmã do secretário de Segurança do estado Jefferson Portela e da ex-reitora da UFMA Nair Portela. Formada em Estudos Sociais e Pedagogia, ela foi professora do município e exerceu o mandato de vereadora. Confira a íntegra da nota da FAP:


À Comunidade Educacional de Chapadinha (MA), 

Segundo Mário Quintana: “Nada nasce do ar...”

Acreditamos que a identidade de professores e professoras se configura nas marcas históricas da sociedade de um tempo, transpassada pelas subjetividades de cada um, mediante as experiências, pensamentos e sentimentos de homens e mulheres que nascem com missões a cumprir, nascem dessa vontade para atender aos reclames de viver a vida com amorosidade. Compreendemos que os atos e os laços nos eternizam, sobretudo no ofício de ensinar e aprender, portanto, nada nasce do ar, como diz Mário Quintana.

O compromisso de conviver, alimentando a certeza de que caminhamos, buscando a nossa “alteridade”, nesse encontro corpo e alma trazem as escolhas que fazemos no percurso de nossas vidas, que marcaram outras vidas, sobretudo pelo encontro, abraço, sorriso, pela palavra carinhosa e excepcionalmente pelo que fazemos de nós mesmos.

A Professora Cleide Maria Portela Silva teve e tem um papel fundamental na vida de muitas pessoas de Chapadinha. Sua voz está eternizada nos saberes e fazeres profissionais de gerações que caminharam aprendendo as lições de seu tempo. Ensinamentos que envolvem princípios éticos, dignidade e cidadania, associados à generosidade amorosa e sincera em suas atitudes de mulher no exercício de suas funções públicas, como mãe, educadora e amiga. Sua fala e sorriso transmitiam candura e simplicidade, mas ao mesmo tempo firmeza na defesa de seus pensamentos e sentimentos sobre a igualdade de direitos, a liberdade e a vida plena.

A nossa Pedagoga Cleide Portela foi uma sonhadora. Em suas falas encontrávamos sempre uma reflexão sobre a vida, a educação, sobre a cidade de Chapadinha. Gostava de ouvir e ser ouvida, apreciava uma boa leitura, adorava conversar sobre política. A sua ausência entre nós é percebida, mas as memórias que construímos nos momentos de convivências serão compartilhadas com os nossos filhos, netos, amigos, alunos e com a atual geração de professores. A sua luz e bondade estavam sempre estampadas em seu rosto alegre.

Cleide Maria Portela Silva, formada em Estudos Sociais, pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA), campus Chapadinha; Pedagoga pela Universidade Estadual do Maranhão (UEMA). Professora do Sistema Municipal de Ensino de Chapadinha.

Celebremos a sua vida, porque ela é uma inspiração para as nossas humanidades.

Chapadinha (MA), 30 de novembro de 2020

Profª Me. Nony Braga

Diretora de Ensino da Faculdade do Baixo Parnaíba


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

DE CORPO PRESENTE: FLÁVIO DINO REBATE BELEZINHA SOBRE INVESTIMENTO EM SAÚDE E AINDA QUER ASSUMIR A UPA

Durante cerimônia de inauguração de asfalto aplicado no município com emendas da deputada Dra. Thaiza, o governador Flávio Dino respondeu os ataques que a prefeita Belezinha fez contra ele no início da semana. A gestora havia afirmado em pronunciamento oficial que ainda não teve ajuda do governo do estado para cuidar da Saúde em Chapadinha nos seus primeiros meses de administração. Relembre: No seu discurso, a deputada Thaiza já havia criticado a gestão municipal por Chapadinha ter tido o maior número de óbitos por Covid no estado, mas Belezinha tentou evitar polêmica. Tigrona na internet, ela virou tchuchuca na frente do governador falando até em parcerias do estado com o município através do vice-governador Carlos Brandão. Veja: Flávio Dino estranhou a diferença de comportamento do mundo virtual para o mundo real. “Há pessoas que se transformam na internet. Elas na nossa frente são pessoas de bom senso, mas quando chegam na internet se transformam e se danam a mentir”: Mais a

AS REVELAÇÕES DA FOLHA DE PAGAMENTOS DA PREFEITURA

Com alguns meses de atraso, a Prefeitura de Chapadinha publicou as primeiras folhas de pagamento da gestão da prefeita Belezinha e tem muita informação boa ali para fazer futrica, mas este espaço não se dedica a isso. Os mais afoitos defensores do governo podem ser identificados na lista com os próprios nomes ou de parentes próximos. Alguns deles já devem estar comentando este texto nas redes sociais antes de lê-lo. Não importa. São pequenos, como a maioria das boquinhas que conseguiram. E, além do mais, ninguém acreditava que eles cantavam “eles gostam da mamadinha” durante a campanha eleitoral sem saber que era exatamente disso que eles estavam em busca. É assim mesmo. A guerra no Whatsapp geralmente acontece com "mamadores" apontando "desmamados" A folha está encharcada de cabos eleitorais e ex-candidatos? Sim. Parentes de vereadores e suplentes? Também. Há ainda "anomalias curiosas", como a do Técnico em Imobilização contratado pelo Hapa com salári

DRA. THAIZA DEFENDE GOVERNADOR E COBRA ENTREGA DA UPA PARA O ESTADO

Chapadinha foi destaque na sessão de hoje da Assembleia Legislativa. Tudo começou quando a deputada Dra. Thaiza subiu à tribuna para registrar a cerimônia de inauguração do asfalto aplicado nos bairros Areal e Cohab com emendas destinadas pelo seu mandato. A parlamentar aproveitou a oportunidade para lembrar as várias ações do governo estadual no município e saiu em defesa do governador, contra os ataques feitos pela prefeita Belezinha. “São mais de R$ 4 milhões investidos todo mês na Saúde para manter o Hospital Regional. É incalculável o impacto positivo deste investimento para a região. Imaginem a quantidade de consultas, exames e internações, lembremos a procissão de ambulância que tinha de vir para São Luís. É uma injustiça absurda não reconhecer os benefícios levados a Chapadinha e região pelo governo Flávio Dino”, destacou. O deputado Paulo Neto saiu em defesa de Belezinha afirmando que o vídeo em que ela ataca o governador seria de 90 dias atrás e teria sido requentado pela