Pular para o conteúdo principal

Os recados da posse da mesa diretora



Apesar do recesso parlamentar, a Câmara Municipal de Chapadinha foi movimentada na primeira segunda-feira do ano. Foi realizada sessão solene para reconduzir a vereadora Professora Vera à Presidência da Casa e empossar a nova mesa diretora para o biênio 2019-2020. Estiveram presentes 9 dos 15 vereadores, tendo sido o vereador Netinho Gedeão o único entre os membros da chapa derrotada a comparecer.

Um personagem que se manteve no centro da cena apesar de não estar sendo empossado foi o vereador Neto Pontes. Ele era candidato à presidência da Casa até meia hora antes da votação, realizada em junho do ano passado, mas ao ser preterido se juntou à oposição levando consigo o vereador Marcelo Aguiar e apoiaram a recondução da presidente Professora Vera, que apesar de aliada não tinha a preferência da articulação política do governo, com uma mesa composta majoritariamente por adversários do prefeito.

Por um acaso do destino coube a ele a condução dos trabalhos da sessão solene de hoje e a declaração de posse na presença do prefeito. 

Discursos

A fala mais longa da sessão, como de costume, foi exatamente do prefeito Magno Bacelar. Ele destacou a gestão da presidente Professora Vera como brilhante e aproveitou a oportunidade para voltar a tratar da crise financeira que o município vive, afirmando que os valores que entram no tesouro municipal não são suficientes para pagar as despesas e deu como exemplo a manutenção da UPA, que está prevista para ser entregue à responsabilidade do município no final do mês. "A manutenção daquela UPA é R$ 1 milhão e 200 mil. Como é que o município vai bancar uma UPA daquela?", questionou. 

Alguns dos parlamentares presentes também fizeram uso da palavra, com destaque para o pronunciamento do vereador Marcelo Aguiar. Mesmo com o prefeito já ausente do plenário, o parlamentar não deixou de reafirmar suas críticas: "É preciso que o nosso prefeito conduza o 'avião' que leva todos nós desse município a dias melhores, a um local melhor, a um momento melhor. Porque o senhor prefeito precisa sentar nessa cadeira do 'avião' e conduzir o avião, não deixar que pessoas outras possam conduzir por ele. Ele tem capacidade para conduzir esse avião", afirmou lembrando que todos os cidadãos são os tripulantes desta metáfora.

O novo vice-presidente da Câmara, vereador Tote, avisou que usará o artigo 35º do Regimento Interno, que lhe dá poder para promulgar leis aprovadas pela Câmara depois de transcorrido o prazo previsto para pronunciamento do prefeito e da presidente da Casa sobre o tema. O alerta pode ter graves consequências, principalmente devido o pouco diálogo institucional entre Executivo e Legislativo sobre as matérias aprovadas.

Complicado ano novo

Única aliada de Magno Bacelar na mesa diretora, a presidente Professora Vera nunca foi tão importante para a gestão municipal. Ele será obrigada a manter diálogo institucional ainda mais constante com o governo e a oposição e terá papel decisivo na tramitação de assuntos polêmicos, como a apreciação das suas contas do prefeito rejeitadas pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE). São necessários 10 votos para alterar o parecer do TCE e na aprovação de outras matérias, como o reajuste da Contribuição de Iluminação Pública, o governo já não teve tamanho apoio. Isso sem falar na já anunciada pretensão da oposição buscar uma desculpa para afastar o prefeito do cargo.

O ano de 2019 promete ser de grandes emoções na Câmara Municipal.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

DE CORPO PRESENTE: FLÁVIO DINO REBATE BELEZINHA SOBRE INVESTIMENTO EM SAÚDE E AINDA QUER ASSUMIR A UPA

Durante cerimônia de inauguração de asfalto aplicado no município com emendas da deputada Dra. Thaiza, o governador Flávio Dino respondeu os ataques que a prefeita Belezinha fez contra ele no início da semana. A gestora havia afirmado em pronunciamento oficial que ainda não teve ajuda do governo do estado para cuidar da Saúde em Chapadinha nos seus primeiros meses de administração. Relembre: No seu discurso, a deputada Thaiza já havia criticado a gestão municipal por Chapadinha ter tido o maior número de óbitos por Covid no estado, mas Belezinha tentou evitar polêmica. Tigrona na internet, ela virou tchuchuca na frente do governador falando até em parcerias do estado com o município através do vice-governador Carlos Brandão. Veja: Flávio Dino estranhou a diferença de comportamento do mundo virtual para o mundo real. “Há pessoas que se transformam na internet. Elas na nossa frente são pessoas de bom senso, mas quando chegam na internet se transformam e se danam a mentir”: Mais a

AS REVELAÇÕES DA FOLHA DE PAGAMENTOS DA PREFEITURA

Com alguns meses de atraso, a Prefeitura de Chapadinha publicou as primeiras folhas de pagamento da gestão da prefeita Belezinha e tem muita informação boa ali para fazer futrica, mas este espaço não se dedica a isso. Os mais afoitos defensores do governo podem ser identificados na lista com os próprios nomes ou de parentes próximos. Alguns deles já devem estar comentando este texto nas redes sociais antes de lê-lo. Não importa. São pequenos, como a maioria das boquinhas que conseguiram. E, além do mais, ninguém acreditava que eles cantavam “eles gostam da mamadinha” durante a campanha eleitoral sem saber que era exatamente disso que eles estavam em busca. É assim mesmo. A guerra no Whatsapp geralmente acontece com "mamadores" apontando "desmamados" A folha está encharcada de cabos eleitorais e ex-candidatos? Sim. Parentes de vereadores e suplentes? Também. Há ainda "anomalias curiosas", como a do Técnico em Imobilização contratado pelo Hapa com salári

DRA. THAIZA DEFENDE GOVERNADOR E COBRA ENTREGA DA UPA PARA O ESTADO

Chapadinha foi destaque na sessão de hoje da Assembleia Legislativa. Tudo começou quando a deputada Dra. Thaiza subiu à tribuna para registrar a cerimônia de inauguração do asfalto aplicado nos bairros Areal e Cohab com emendas destinadas pelo seu mandato. A parlamentar aproveitou a oportunidade para lembrar as várias ações do governo estadual no município e saiu em defesa do governador, contra os ataques feitos pela prefeita Belezinha. “São mais de R$ 4 milhões investidos todo mês na Saúde para manter o Hospital Regional. É incalculável o impacto positivo deste investimento para a região. Imaginem a quantidade de consultas, exames e internações, lembremos a procissão de ambulância que tinha de vir para São Luís. É uma injustiça absurda não reconhecer os benefícios levados a Chapadinha e região pelo governo Flávio Dino”, destacou. O deputado Paulo Neto saiu em defesa de Belezinha afirmando que o vídeo em que ela ataca o governador seria de 90 dias atrás e teria sido requentado pela