Pular para o conteúdo principal

O melhor e o pior prefeito



Quem viveu em Chapadinha o alvorecer do século XXI se impressionou com a mudança trazida pelas gestões do Dr Magno Bacelar. Do atraso para o pagamento adiantado, avenidas recebiam asfalto pela primeira vez depois de décadas, de quatro professores graduados a rede municipal de ensino pulou para mais trezentos com apenas um convênio entre a Prefeitura e a Universidade Estadual do Piauí (Uespi), postos de saúde eram inaugurados em diferentes bairros e o atendimento hospitalar era satisfatório. Foram oito anos tão bem administrados que ele conseguiu fazer como sua sucessora a ex-vereadora Danubia Carneiro, que era muito rejeitada na época.

Então como é possível que este mesmo cidadão lidere hoje uma administração tão rejeitada no mesmo município onde antes ele era cogitado até para disputar o governo do estado? Por que até os servidores públicos tão priorizados voltam a ver salários sendo atrasados. O que foi que mudou?


Simples: “É a economia, estúpido”. Magno governou oito anos consecutivos com fortes aumentos do Fundo de Participação do Município num país que crescia espantando os olhos do mundo. No seu primeiro ano de gestão Magno teve um FPM 15,06% maior do que aquele do ultimo ano do seu antecessor. Os anos seguintes foram sempre de crescimento. Respectivamente 22,42%, 6,17%, 11,49%, 25,53%, 11,08%, 23,99% e 12,96%. De R$ 5 milhões em 2000, o FPM de Chapadinha saltou para R$ 16,4 milhões em 2008.

Danúbia estreou com queda 4,63% e teve crescimentos de 7,15%, 28,83% e 3,01% nos anos seguintes. Belezinha só conheceu aumento no FPM em todos os seus anos: 7,28%, 8,32%, 5,93% e 16,15%. Já Magno voltou com queda 3,61% em 2017 e crescimento de 2,89% em 2018, menor que a inflação de 3,59% acumulada no ano.


Em resumo, Magno não é o gênio da administração pública que parecia nos seus dois primeiros mandatos, nem a catástrofe que parece ser agora. É apenas um prefeito normal, que governa bem quando tem mais recursos e governa mal quando tem menos recursos.

Todos os dados apresentados neste texto foram recolhidos por mim no Demonstrativo Financeiro do Bando do Brasil. Quem quiser pode tentar desmentir qualquer informação neste link. Pode também tentar desmentir que o município ficou engessado com a convocação de mais concursados pela ex-prefeita depois dela ter perdido a eleição em 2016, ou que aumentaram substancialmente os preços da energia elétrica e dos combustíveis, produtos que impactam severamente as despesas de um ente com centenas de imóveis e grande frota de veículos.

O cidadão chapadinhense pode perceber que o município já conta com quase duas dezenas de pré-candidatos à Prefeitura e nenhum deles está criticando publicamente o prefeito pelo atraso dos salários. Porque eles sabem o que aguarda a qualquer um que lograr êxito nas urnas em 2020: Um município inviabilizado financeiramente.

Duvide de quem prometer saída fácil para a crise que o município vive e espere para ver se alguém poderá se eleger assim e não se desmoralizar logo depois.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

DE CORPO PRESENTE: FLÁVIO DINO REBATE BELEZINHA SOBRE INVESTIMENTO EM SAÚDE E AINDA QUER ASSUMIR A UPA

Durante cerimônia de inauguração de asfalto aplicado no município com emendas da deputada Dra. Thaiza, o governador Flávio Dino respondeu os ataques que a prefeita Belezinha fez contra ele no início da semana. A gestora havia afirmado em pronunciamento oficial que ainda não teve ajuda do governo do estado para cuidar da Saúde em Chapadinha nos seus primeiros meses de administração. Relembre: No seu discurso, a deputada Thaiza já havia criticado a gestão municipal por Chapadinha ter tido o maior número de óbitos por Covid no estado, mas Belezinha tentou evitar polêmica. Tigrona na internet, ela virou tchuchuca na frente do governador falando até em parcerias do estado com o município através do vice-governador Carlos Brandão. Veja: Flávio Dino estranhou a diferença de comportamento do mundo virtual para o mundo real. “Há pessoas que se transformam na internet. Elas na nossa frente são pessoas de bom senso, mas quando chegam na internet se transformam e se danam a mentir”: Mais a

ALUIZIO SANTOS FALA SOBRE SUA SAÚDE

O secretário Aluizio Santos concedeu entrevista ao programa Alerta Geral, apresentado pelo jornalista Luis Carlos Jr. na rádio Cultura de Chapadinha, nesta manhã (10) e tratou do assunto que já estava dominando as rodas de conversa da política local: seu estado de saúde. Segundo o relato, desde o mês de junho ele estava acompanhando o aumento de dois linfonodos na sua virilha e decidiu, com a equipe de médicos que o acompanha em Chapadinha, pela remoção cirúrgica de ambos. O procedimento aconteceu no dia 25 de outubro e desde então ele ficou em repouso. O diagnóstico conclusivo sobre o tratamento de saúde ao qual ele precisará se submeter deverá ser apresentado em 10 dias, mas Aluizio tem voltado às atividades políticas, inclusive às articulações da sua pré-candidatura a deputado estadual. Assista o vídeo da entrevista no final da matéria.   ENTENDA O QUADRO A íngua é o inchaço dos linfonodos, pequenos órgãos do sistema linfático que atuam na defesa do organismo humano prod

DRA. THAIZA DEFENDE GOVERNADOR E COBRA ENTREGA DA UPA PARA O ESTADO

Chapadinha foi destaque na sessão de hoje da Assembleia Legislativa. Tudo começou quando a deputada Dra. Thaiza subiu à tribuna para registrar a cerimônia de inauguração do asfalto aplicado nos bairros Areal e Cohab com emendas destinadas pelo seu mandato. A parlamentar aproveitou a oportunidade para lembrar as várias ações do governo estadual no município e saiu em defesa do governador, contra os ataques feitos pela prefeita Belezinha. “São mais de R$ 4 milhões investidos todo mês na Saúde para manter o Hospital Regional. É incalculável o impacto positivo deste investimento para a região. Imaginem a quantidade de consultas, exames e internações, lembremos a procissão de ambulância que tinha de vir para São Luís. É uma injustiça absurda não reconhecer os benefícios levados a Chapadinha e região pelo governo Flávio Dino”, destacou. O deputado Paulo Neto saiu em defesa de Belezinha afirmando que o vídeo em que ela ataca o governador seria de 90 dias atrás e teria sido requentado pela