Pular para o conteúdo principal

Não se Prende Cachorro Esfomeado com Linguiça!


Por Pe. Manuel Neves

"Este ano (fique sabendo!), vai haver
fiscalização mais cerrada e secreta!"
Bengala de cego vai para onde a puxam. Isso é uma verdade. Mas isso é bengala de cego, não esqueça! Agora, ser humano não pode ser como bengala, porque tem cabeça própria para pensar. Qualquer pessoa pode trocar de chapéu ou de capacete. Mas de cabeça, nunca! Quem anda por cabeça alheia é piolho. E não tem vida sossegada! É perseguido com insistência!

Isto vem a propósito do esforço que cada um de nós deve fazer para ser livre e poder pensar. Ninguém devia querer abandalhar sua liberdade, nem preferir os interesses dos outros aos seus, se legítimos. Temos que aprender a refletir, não sermos ingênuos, superficiais... Precisamos saber conquistar o espaço da nossa liberdade, investir nos nossos interesses, colocar a cabeça a funcionar. Ter sentido crítico! Para isso, ter uma direção, um sentido de vida, não acreditar em qualquer ideia que nos é exposta. Quem troca a sua liberdade pela oferta de uns reais ou vende seus legítimos interesses a outrém (seja pelo que fôr!) ... é um ser diminuído, apequenado, precisa de se dignificar, de ganhar honra e ser gente. Sim, ser gente e não canalha inverme! Não andar ao sabor do vento, porque pode ser atingido pouco depois por algum forte vendaval.

Vai começar o tempo da Vai campanha eleitoral. Inclinar-se por este ou aquele candidato, deixar-se amarrar por promessas, optar por um representante seu para governar e satisfazer a seus anseios... não é brincadeira. É uma enorme responsabilidade! Merece estudo. Pede reflexão. Isto para quem tem cabeça e é gente!

Quem nunca fez nada pelos outros, só pensou em si e em aumentar seu patrimônio... não merece nossa confiança. Quem sempre abandonou o bem comum e preferiu seus interesses... deve ser rejeitado. Não se amarra cachorro com lingüiça. Cachorro gosta de carne. Não vai poupar a lingüiça. Quem gosta de amontoar dinheiro e não consegue ter alegria em ajudar os outros, quem só busca prestígio individual... é indigno de nossa confiança.

Precisamos botar olho na Câmara e demais cargos públicos e não nos enganarmos na escolha. Há quem faz da mentira um habilidoso processo para conquistar votos e da política um refúgio de incompetentes. Vão pipocar ofertas de todo o jeito. Porquê só agora, este ano, prestes a chegar as eleições!? Favorzinhos não se pagam com voto. Vender seu voto, trocar seu voto por jeitinho individual... é crime. Dá cadeia e perda de direitos. E este ano (fique sabendo!), vai haver fiscalização mais cerrada e secreta! Já tem “ficha suja” de candidato. Vamos evitar a “escolha suja” de eleitor. E não esqueça: não se prende cachorro esfomeado com lingüiça! Entregar os cofres públicos a quem só sabe puxar para si? – Olhe o que vai acontecer!




Comentário nosso: Ótimo texto do pároco. O engajamento da igreja (e toda sociedade, claro) no combate à corrupção eleitoral é essencial para não permitirmos que nossa democracia seja desviada. Ainda sobre o assunto leia "Desafio 2012: Renovar as práticas".

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O que não te disseram sobre a "farra dos contracheques"

Enquanto a gritaria tomava conta das redes sociais, me dediquei a estudar a folha de pagamento da Prefeitura de Chapadinha e verifiquei alguns dados que precisam ser esclarecidos.
Primeiro, nenhum vigia “recebe” R$ 6 mil. O presente do indicativo é usado para demonstrar ação continuada. E o vigia Marcelo Costa Abreu, segundo este mesmo Portal da Transparência que serve de fonte para pinçar informações pela metade e causar alvoroço, tem um salário de R$ 1.247,50. Nos meses de Setembro e Outubro ele recebeu gratificações para compensar outros serviços que ele teria prestado à administração municipal, segundo relato dele mesmo em áudio que circula nos grupos de WhatsApp.
A realização destes trabalhos deve ser atestada, mas essa checagem desmonta a tese segunda qual ele receberia um grande salário para dividir com um ex-prefeito e um vereador.
Outro dado que tem aparecido de maneira muito distorcida é a lotação de todos os servidores como funcionários do gabinete do prefeito. Na verdade…

Uma decisão que não se sustenta

Há tempos o município dava sinais de que conseguiria manter o calendário de pagamento dos servidores públicos de acordo com a promessa de campanha do prefeito Magno Bacelar, com 10 dias dentro do mês trabalho. Ontem a Prefeitura anunciou que todos os servidores receberão no limite previsto em lei e as reações foram instantâneas.
Até a aliada presidente da Câmara, professora Vera, já se pronunciou duramente repudiando a decisão do prefeito. “Não vejo justificativa para a medida da Prefeitura de transferir os pagamentos para o 5º dia útil do mês subsequente”, declarou em redes sociais.
Apesar de não haver ilegalidade no anúncio, algumas considerações precisam ser feitas. A primeira, e mais importante neste momento de pandemia, é que nunca foi tão necessário escalonar o pagamento. Para evitar aglomerações ainda maiores nas agências bancárias, os servidores de diferentes órgãos deveriam receber em dias alternados.
Em segundo lugar, a crise econômica agravada pela pandemia de Covid-19 po…

PRIMEIRA CHAPA CONFIRMADA: HIGOR E MARCELO MARINHEIRO

Nem o isolamento social imposto pela pandemia de Covid-19 freou as articulações políticas. Respeitando as restrições e orientações da Organização Mundial da Saúde, o empresário Higor da Universidade Infantil e o vereador Marcelo Marinheiro se encontraram na manhã desta segunda-feira (30) e definiram que formarão chapa visando as pré-candidaturas a prefeito e vice-prefeito de Chapadinha nas eleições de 2020.
Em contato com o Blog do Braga, a dupla afirmou que já vinha conversando nas últimas semanas e que tomaram a decisão após análise das últimas pesquisas de intenção de voto, que indicariam a viabilidade da composição.
Em meio às incertezas jurídicas de outros concorrentes, Chapadinha ganha a primeira chapa 100% definida e ficha-limpa para as próximas eleições. Após o término do período de isolamento social proposto pela OMS os pré-candidatos informarão o calendário de eventos destinados à propagação das suas plataformas políticas.
“Por enquanto, nos cabe apenas desejar a todos mui…