Pular para o conteúdo principal

Roseana e Washington anunciam construção de CETECMAs. Chapadinha será contemplada

Na manhã desta segunda-feira (16), a governadora Roseana Sarney lançou os editais para a construção de 11 novos Centros de Educação Tecnológica (CETECMAs) nos municípios de Balsas, Porto Franco, Rosário, Axixá, Bacabal, Chapadinha, Coroatá, Pindaré-Mirim, Santa Luzia, São José de Ribamar e São Luís, que terá uma Escola de Pesca, voltada para a formação de técnicos na área de embarcações. O investimento é de R$ 28 milhões de reais e a estimativa de atendimento é de mais de 50 mil alunos por ano em todo estado. Outras três unidades estão em fase final de construção em Carolina, Cururupu e Timon. O valor investido nessas obras é de R$ 5,1 milhões. O recurso é próprio do Governo do Estado.

Estiveram presentes no lançamento dos editais o vice-governador, Washington Oliveira; o secretário-chefe da Casa Civil, Luís Fernando Silva; o secretário de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, João Bernardo Bringel; o presidente da Assembleia Legislativa, Arnaldo Melo, além de secretários de estado, deputados estaduais e prefeitos dos municípios beneficiados.

Segundo a governadora Roseana Sarney, a construção dos centros atende mais um dos objetivos do governo ao atrair grandes projetos para o estado, que é capacitar mão de obra local aos investimentos na ordem de mais de R$ 100 bilhões previstos para os próximos cinco anos. “Já atraímos investimentos, agora estamos na etapa de preparar os jovens para competir e ocupar os novos postos de trabalho que estão sendo criados. Precisamos inserir o maranhense no novo contexto de desenvolvimento do Maranhão”.

A qualificação de mão de obra local proposta pelo Maranhão Profissional já começou. Atualmente, existem quase 20 mil jovens sendo capacitados nas diversas ações do programa.

“Os empreendimentos que chegam ao estado vão possibilitar a formação de 52 mil jovens maranhenses a cada ano, por meio dos Centros Tecnológicos. O programa reflete a preocupação do governo em distribuir aos maranhenses as riquezas geradas com os empreendimentos que estão se instalando no estado”, afirma o secretário-chefe da Casa Civil, Luís Fernando Silva.

Para o secretário de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, João Bernardo Bringel, os cursos oferecidos vão atender às demandas do Maranhão Profissional e também dos municípios. “Vamos inserir o jovem de baixa renda no mercado de trabalho, por meio da profissionalização e qualificação”.

O município de Axixá é um dos beneficiados com um novo Centro de Educação Tecnológica, segundo a prefeita Sônia Campos a expectiva é grande pelo início da construção. “Crescimento e mais oportunidade para a juventude é isso que o governo vai trazer com o programa. A construção do centro é fundamental para a região do Munim, isso é um marco pela valorização do trabalho do maranhense”.

Centros

Serão dois tipos de unidades. Sete terão investimentos de R$ 3 milhões em área de 2.752 m2 (Axixá, Bacabal, Chapadinha, Coroatá, Pindaré-Mirim, Santa Luzia e São José de Ribamar). Três custarão R$ 1,7 milhão com área de 1.506,24m2 (Balsas, Porto Franco e Rosário). O valor da obra da Escola de Pesca é de R$ 2 milhões, com área de 1.852m2.

Todas as unidades terão um auditório de 100 lugares, uma biblioteca, uma sala de videoconferência (50 lugares), quatro salas de aula, quatro laboratórios práticos (química, biologia, física e informática), até dois laboratórios específicos (de acordo com a vocação da unidade), uma sala de professores, uma quadra de esportes, área de vivência e estacionamento.

Em todos os municípios as novas unidades do Cetecma terão uma vocação definida. Em Balsas, enfocará recursos naturais e produção industrial; já em Porto Franco seguirá o setor de produção alimentícia, hospitalidade e lazer; e em São José de Ribamar buscará atender às áreas de infraestrutura, produção alimentícia, recursos naturais e produção industrial. A Escola de Pesca trabalhará a produção alimentícia e os recursos naturais.

Outras ações

O governo também prevê outras ações dentro do Programa Maranhão Profissional. Nesta terça-feira (17), dois mil alunos iniciarão capacitação em cursos de eletricista, eletrônica, eletrônica de manutenção e eletrônica de telecomunicações.

Além disso, mais 1.000 maranhenses iniciarão curso na área de segurança do trabalho. Todos sairão prontos para ocupar vagas disponíveis no mercado.


Fonte: Secom

Comentários

Anônimo disse…
Espero que tenha sido bem produtiva a visita até BSB, vários planos muito bem gostando de ver, mas... será que isso surgirar efeitos?? es a questão.

Postagens mais visitadas deste blog

DE NOVO: BELEZINHA TENTA COMPRAR CANDIDATO A VEREADOR E É DENUNCIADA À POLÍCIA

Dinheiro entregue à Polícia Festejada nas redes sociais pela ex-prefeita Belezinha e seus partidários, a adesão do candidato a vereador Lucídio se revelou mais um escândalo que abuso de poder econômico. Anúncio de adesão pela manhã Horas depois do anúncio, Lucídio registrou Boletim de Ocorrência acusando a coligação adversária de lhe ter entregado R$ 5 mil para ele se deixar fotografar ao lado da candidata e apoiá-la. Ao registrar o BO, o candidato apresentou aos policiais o valor que lhe foi entregue, e áudios das conversas entre ele e intermediários da ex-prefeita. Num deles o conhecimento da candidata sobre as negociações é confirmado. A versão foi confirmada por uma testemunha que presenciou a entrega do dinheiro. Após perícias as provas deverão ser encaminhadas para o Ministério Público Eleitoral e nova denúncia de abuso de poder econômico deve ser apresentada contra a candidata. Denúncia feita à tarde Belezinha responde no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) ação semelhante p

O que não te disseram sobre a "farra dos contracheques"

Enquanto a gritaria tomava conta das redes sociais, me dediquei a estudar a folha de pagamento da Prefeitura de Chapadinha e verifiquei alguns dados que precisam ser esclarecidos. Primeiro, nenhum vigia “recebe” R$ 6 mil. O presente do indicativo é usado para demonstrar ação continuada. E o vigia Marcelo Costa Abreu, segundo este mesmo Portal da Transparência que serve de fonte para pinçar informações pela metade e causar alvoroço, tem um salário de R$ 1.247,50. Nos meses de Setembro e Outubro ele recebeu gratificações para compensar outros serviços que ele teria prestado à administração municipal, segundo relato dele mesmo em áudio que circula nos grupos de WhatsApp. A tese de "rachadinha" cai por terra A realização destes trabalhos deve ser atestada, mas essa checagem desmonta a tese segunda qual ele receberia um grande salário para dividir com um ex-prefeito e um vereador. Outro dado que tem aparecido de maneira muito distorcida é a lotação de todos os

EM PRIMEIRA MÃO: EX-PREFEITA PERDE O MANDATO DE DEPUTADA

Durou pouco a passagem da ex-prefeita Ducilene Belezinha (PL) na Assembleia Legislativa do Maranhão. Ela havia sido empossada no cargo de deputada estadual no mês passado devendo favor ao deputado federal Josimar de Maranhãozinho (PL) que determinou que a esposa, Detinha (PL), saísse de licença. Ocorre que Belezinha foi apenas a quinta suplente da coligação, e sua a posse dependeu do falecimento de um deputado e a nomeação de três parlamentares no secretariado do governador Flávio Dino, mas um deles voltou ontem (6) para o legislativo, aliás, uma secretária: Ana do Gás (PCdoB). Parlamentar com votação expressiva em Chapadinha na eleição de 2014, quando teve o apoio do hoje prefeito Magno Bacelar, a comunista ocupava a Secretaria de Estado da Mulher, mas decidiu reassumir o mandato de deputada levando a ex-prefeita de volta à condição de suplente. Festejado com carreata organizada por seus apoiadores com pouquíssima participação popular, o mandato de Belezinha na Assembleia durou 13 dia