Pular para o conteúdo principal

Diretórios do PT do Baixo Parnaíba discutem regionalização

Diretórios se reuniram para trocar experiências
Representantes dos Diretórios Municipais do PT de Chapadinha, Anapurus, Araioses, Belágua, Brejo, Buriti, Magalhães de Almeida, Mata Roma, Nina Rodrigues, São Bernardo e Tutóia se reuniram no último sábado em Brejo para debater a organização do PT na região do Baixo Parnaíba. 

O encontro, que durou todo o sábado, contou com a participação dos prefeitos de Belágua e de Brejo, o anfitrião Zé Farias. O evento ainda foi prestigiado pelo vice-governador, Washington Luiz, pelo líder caxiense e tesoureiro do diretório estadual, Mundico Teixeira, e pela secretária-adjunta de Educação do estado, Virna Teixeira.

Durante a manhã foi feita uma avaliação do partido em cada município e das administrações petistas na região. Apesar das dificuldades enfrentadas por ambos gestores municipais frente às prefeituras de Brejo e Belágua, a expectativa é de grande projetos serem postos em prática na segunda metade do mandato. Só em Brejo o prefeito quer entregar à comunidade até o final do mandato 10km de asfalto, três pontes de concreto, uma nova avenida com calçadão, quase 1 milhão de telhas, cinco escolas 100 casas pelo projeto "Minha Casa, Minha Vida". 

A grande dificuldade encontrada hoje é dar visibilidade a todas essas conquistas. "Nós temos tido grandes conquistas, mas pecamos em não conseguir divulgar tanto aquilo que estamos fazendo. Estamos construindo toda a rede de saneamento básico da nossa cidade, mas se não divulgarmos ninguém verá", afirmou o prefeito Zé Farias.

Eduardo Braga acompanhando os debates
Depois deste primeiro momento, organizou-me uma mesa de avaliação das conjunturas nacional e estadual. "Estamos vivendo um grande momento em âmbito nacional e nos fortalecendo a nível de estado, mas este fortalecimento não terá sentido se não o enraizarmos no municípios", disse eu, que coordenava esta mesa. 

Mais a frente continuei. Há duas grandes questões de nível nacional que devemos debater em 2011: as propostas de reforma política e o julgamento do caso do 'valerioduto' no Supremo Tribunal Federal. Na primeira porque há propostas que são verdadeiros golpes contra a democracia representativa, como o tal "distritão", e o segundo porque não podemos recuar no debate sob pena de darmos espaço para a direita nos atacar ainda mais, como tentam fazer agora com o nosso companheiro Raimundo Monteiro", concluí.

Washington Luiz: "Precisamos resguardar
o nosso partido."
O vice-governador,Washington Luiz, vê o surgimento de um novo momento para o PT maranhense. "Precisamos atentar para essa nova fase que estamos vivendo no partido. Agora estamos vivendo o ciclo em que governamos o Brasil. Agora temos outras complicações, que são as de governar o país. Aqui no maranhão estamos apontando o governo do estado. Precisamos continuar fazendo essas reuniões regionais. Isso ajuda a manter o partido vivo. Já começou o processo de eleição pra 2012. Precisamos crescer no Baixo Parnaíba, eleger mais prefeitos e mais vereadores. É bom demais fazer aliança, agora é preciso resguardarmos o nosso partido. Precisamos ser criteriosos nas coligações em 2012.", orientou. Washington defendeu ainda a organização de diferentes setores do partido. "As mulheres do Baixo Parnaíba, precisam se organizar mais. Bem como a juventude. Nós do PT estamos ajudando a construir o  estado que todos nós sonhamos", disse.

Durante a tarde, os presentes discutiram a tática que o partido deve adotar em 2012 para aumentar sua representação nos municípios da região. "Devemos reeleger nossos dois prefeitos, eleger pelo menos mais dois e aumentar o nosso número de vereadores, a começar por Chapadinha, que é o maior município da região", defendeu o presidente em exercício do diretório municipal chapadinhense, Zezinho Lima. 

Mariana Nascimento: DE deve
acompanhar os municípios
A dirigente estadual Mariana Nascimento defendeu que o processo eleitoral de cada município seja acompanhando pelo diretório estadual. "vale lembrar que tivemos vários tropeços ao longo da historia em função do tempo. É importante o D E observar essa situação pra não corrermos o risco de cometermos os erros do passado," alertou.

Foram ainda discutidos os ataques contra o presidente do Diretório Estadual, Raimundo Monteiro, e aprovada um moção de apoio, confiança e solidariedade ao companheiro. Leia a íntegra aqui.


De volta

Depois de ter conversado com os dirigentes estaduais presentes ao Encontro do PT do Baixo Parnaíba,  o presidente em exercício do PT Chapadinhense, Zezinho Lima, entrou em contato com o Blogue e informou que reunirá o partido na próxima quinta-feira para avaliar os primeiros momentos da legenda no governo Danúbia Carneiro. "O debate é um processo contínuo. Temos que discutir como contribuir da melhor forma com o governo e como garantir que todos os acordos feitos sejam cumpridos", avisou.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

BELEZINHA ASFALTOU ATÉ O CAMINHO PARA A REELEIÇÃO

Passada a eleição estadual, o único grupo vencedor em Chapadinha foi o que já ocupa a Prefeitura. O resto se dividiu entre sobreviventes, humilhados e aposentados. Após ter sido a candidata a deputada estadual mais votada da história do município em 2018, com 12.403 votos, Belezinha alargou o recorde com os 18.548 votos de Aluizio Santos, elegendo-o para o cargo e vendo os adversários absolutamente perdidos. Se na eleição anterior os demais grupos se dividiram em 8 candidaturas acima da faixa de 500 votos, somando 17.752, desta vez foram 11 candidaturas e apenas 15.109 votos. A pulverização e o desempenho fraco já demonstram que a oposição teria dificuldade de derrotar a prefeita mesmo se conseguisse uma improvável união para 2024. Entre os derrotados da eleição destacam-se os ex-prefeitos. Dr. Magno Bacelar passou pelo segundo constrangimento seguido (e desnecessário) sem conseguir mais do que 679 votos para Adriano Sarney e Isaías Fortes, que ficou aquém do prometido a Davi Bra

ALUIZIO SANTOS FALA SOBRE SUA SAÚDE

O secretário Aluizio Santos concedeu entrevista ao programa Alerta Geral, apresentado pelo jornalista Luis Carlos Jr. na rádio Cultura de Chapadinha, nesta manhã (10) e tratou do assunto que já estava dominando as rodas de conversa da política local: seu estado de saúde. Segundo o relato, desde o mês de junho ele estava acompanhando o aumento de dois linfonodos na sua virilha e decidiu, com a equipe de médicos que o acompanha em Chapadinha, pela remoção cirúrgica de ambos. O procedimento aconteceu no dia 25 de outubro e desde então ele ficou em repouso. O diagnóstico conclusivo sobre o tratamento de saúde ao qual ele precisará se submeter deverá ser apresentado em 10 dias, mas Aluizio tem voltado às atividades políticas, inclusive às articulações da sua pré-candidatura a deputado estadual. Assista o vídeo da entrevista no final da matéria.   ENTENDA O QUADRO A íngua é o inchaço dos linfonodos, pequenos órgãos do sistema linfático que atuam na defesa do organismo humano prod

FLÁVIO DINO INAUGURA IEMA E PEDE QUE BELEZINHA ENTREGUE UPA AO ESTADO

Nesta manhã Chapadinha recebeu Flávio Dino pela última vez antes de deixar o cargo de governador. Antes de seguir para outros municípios da região entregando outros aparelhos públicos, o socialista inaugurou a unidade local do Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IEMA), e a cerimônia foi movimentada, principalmente nos seus bastidores! Ausente do evento supostamente por motivo de saúde Belezinha foi representada pelo vice-prefeito que ouviu do governador novo apelo para que o município entregue a gestão da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) para o governo do estado. “Eu não olho quem é o prefeito, eu não olho partido. O meu partido é o Maranhão e por isso eu sempre estarei a disposição da cidade de Chapadinha”, disse em discurso. Confira:   O governador já tinha se colocado a disposição para assumir a responsabilidade da UPA na sua última visita a Chapadinha e o vice-prefeito até foi às redes sociais defender a entrega da unidade. Ambos foram ignorados por Be